Micropigmentação Capilar. O que é? Cuidados a ter? Contra-Indicações?

O que é a Micropigmentação Capilar?

Uma das preocupações estéticas mais frequente junto do público masculino é a queda de cabelo, embora seja também uma preocupação do público feminino, mas nesse público terá outras causas.

Ela pode acontecer em qualquer altura da vida, não há uma idade específica para a sua ocorrência.

Vemos pessoas novas completamente calvas e pessoas novas com cabeleiras exuberantes.

Grande parte das vezes a queda de cabelo resulta de distúrbios do seu crescimento e está associada, dado o comportamento do folículo capilar ser regulado por várias hormonas é mais frequente nos Homens.  

Ao provocar alterações significativas na aparência a queda de cabelo cria um grande impacto a nível emocional podendo mesmo se a causa de depressões e níveis elevados de ansiedade.

Na tentativa de reverter esse problema a medicina estética tem criado tratamentos que visam a redução da perda de cabelo e/ou o preenchimento de falhas.

Nos casos em que ao implante ou transplante não é viável este procedimento é uma alternativa eficaz e rápida. 

A Micropigmentação Capilar é uma técnica realizada no couro cabeludo, é pouco invasiva e o seu objetivo principal é preencher as áreas afetadas por falta de cabelo.

É um procedimento que permite aumentar a auto estima e resolver a questão estética da falta de cabelo

Escurece o couro cabeludo, reproduz os folículos pilosos e produz a ilusão de fios de cabelo.

Embora tenha algumas diferenças para a tatuagem podemos dizer que é como que uma tatuagem que “pinta” o couro cabeludo, dado ser realizada através de agulhas muito finas que pigmentam a derme do couro cabeludo embora os pigmentos que utiliza não sejam permanentes e sejam diferentes dos utilizados para as tatuagens.

Esta técnica é realizada sob a forma de micro pontos ou linhas que imitam os folículos capilares, pode ser usada em zonas sem cabelo ou entre cabelos existentes. 

Um dos passos mais importantes é designada por colorimetria, e é a escolha do pigmento, a fim de encontrar o tom mais próximo do original do cabelo do cliente de modo a que o resultado seja o mais natural possível e seja praticamente impercetível que foi efetuada uma Micropigmentação Capilar.

È uma alternativa excelente para quem se incomoda pela falta de cabelo, mas se não for bem executada, poderá provocar grandes transtornos tanto estéticos como psicológicos, sendo para isso fundamental que seja realizada por um Profissional com competência e conhecimento desta técnica.

Apesar de não ser um procedimento muito demorado para ser executado de modo a obter-se os resultados esperados, exige tempo, dedicação e conhecimento da técnica utilizada.

Não necessita de internamento para ser realizada, não tendo por isso uma fase pós operatória, podendo a pessoa retomar a sua vida normal e a sua atividade, apenas com os cuidados recomendados.

 

A quem se aplica a Micropigmentação Capilar?

Micropigmentação Capilar

Apesar de a queda de cabelo, por norma ser mais frequente nos homens, também poderá afetar as mulheres, embora as causas sejam diferentes. Pelo que esta técnica se aplica a ambos.

Essencialmente é usada para dar uma densidade mais elevada às áreas calvas ou com pouca densidade capilar ou a aparência de cabelo rapado a quem for muito afetado pela calvície.

Poderá também ser utilizada nos casos em que a pessoa tem pouco volume de cabelo, pigmentando a raiz e dando a impressão de cabelo mais volumoso.

É indicada para as seguintes situações:

  • Esconder falhas de cabelo e cicatrizes no couro cabeludo; 
  • Necessidade rápida e imediata de obter maior densidade capilar;
  • Preenchimento do couro cabeludo quando o paciente não pode fazer transplante (nomeadamente por não ter a área dadora necessária para a realização do mesmo) ser demasiado jovem ou não ter disponibilidade monetária para efetuar um implante ou transplante;
  • Disfarçar problemas genéticos como a alopécia androgenética e areata;
  • Também poderá ser utilizada para restauro de sobrancelhas e barba.

 

Quantas sessões são necessárias?

Apesar de variar de acordo com o problema a tratar e a fisiologia da pessoa a Micropigmentação Capilar exige, em regra três sessões que poderão durar até duas horas cada.

O intervalo entre sessões deverá ser de pelo menos 20 dias pois é o tempo médio necessário para que a pele recupere.

 

Quanto tempo dura a Micropigmentação Capilar?

 

 

Micropigmentação Capilar
https://scalprev.com/transplants/

A duração do efeito da Micropigmentação Capilar depende da técnica utilizada e, como todos os tratamentos e procedimentos estéticos do organismo da pessoa podendo variar entre 2 a 8 anos.

Com o objetivo de prolongar a vida da cor e o efeito do procedimento é aconselhada manutenção a cada 3 anos.

 

Cuidados a ter após a Micropigmentação Capilar?

Após cada sessão é necessário ter uma alguns cuidados evitando a exposição ao sol, vapor e água do mar.

No primeiro dia deve evitar-se o champô e usar um sabonete antisséptico para a lavagem do cabelo.

É aconselhável lavar o cabelo com champôs neutros e sem cor e aplicar nas zonas tratadas o creme/ pomada cicatrizante e protetor solar recomendados pelo Profissional que realiza o procedimento.

Poderá ser indicado o uso de chapéu para proteção da exposição ao sol durante a 1ª semana após o procedimento.

 

A Micropigmentação Capilar é um procedimento doloroso?

O limiar e definição de dor varia de pessoa para pessoa, para umas pessoas poderá ser mais doloroso, para outras ser apenas desconfortável

Dado o couro cabeludo ser uma zona sensível poderão ser aplicados produtos anestésicos em gel ou pomada antes do procedimento de modo a aliviar o desconforto e dor. 

 

Contra indicações e efeitos secundários da Micropigmentação Capilar.

Como em todos os procedimentos há contra indicações nomeadamente a existência de alguma patologia na pele do couro cabeludo por ser também um procedimento feito pelo sexo feminino, mulheres grávidas ou a amamentar.

Em relação aos efeitos secundários dado serem utilizadas agulhas poderá registar-se algum processo inflamatório se não forem tidos os devidos cuidados após o procedimento. 

Caso deseje mais informação entre em contacto connosco clicando no seguinte botão

whatsapp
ou através do seguinte link:

https://www.centroanagarcia.com/contacto/

× Podemos ser úteis?